Quem é Miguel Bosé?


Nascido no Panamá, Miguel Bosé é um cantor, compositor e ator pop espanhol de novas ondas.

Durante a pandemia, Bosé tornou-se um dos negadores mais ativos, questionando a eficácia das máscaras e outros aspectos do vírus. Muitos de seus vídeos foram removidos do YouTube e do Facebook e suas redes sociais foram fechadas. Ele é contra o uso de máscaras, testes PCR, gel desinfetante, vacinas e muitas outras medidas anti-covid.

"Eu sou um negador e tenho a cabeça erguida. As elites são as culpadas pela manipulação que os cidadãos sofrem aos seus olhos: eles mentem para nós, eles nos espionam". A verdade é chamada uma vez, mas a mentira se repete".

O artista tem encorajado seu público a continuar nesta luta, uma luta entre a luz e as trevas, entre o bem e o mal. Ele acusa o "plano macabro e supremacista" de um cartel de bilionários psicopatas chamado Fórum de Davos, onde ele vem sendo planejado há muitos anos.

"Eles pensam que são os mestres da humanidade, da Terra, do planeta por serem tão ricos e arrogantes".

Bosé incentiva seus seguidores a não se vacinarem:

"Não é uma vacina, é um produto que é autorizado por uma emergência transitória, mas não é aprovado por ninguém". É uma experiência, não é uma vacina testada em humanos". Muitos passos foram ignorados".

Ele envia uma mensagem àqueles que acreditam na vacina de que eles vão tornar nossas vidas miseráveis, que existem duas humanidades, uma com políticos arrogantes e gananciosos que vivem em 3D, e nós.

Bosé disse discordar da possível aliança entre o governo espanhol e a empresa farmacêutica GAVI.

"A empresa farmacêutica GAVI, para aqueles que não sabem, é de propriedade da Fundação Bill & Melinda Gates, os especialistas em vacinas fracassadas que causaram tantas vítimas ao redor do mundo. A Índia as expulsou e as denunciou. A África ainda carrega as conseqüências. O Quênia descobriu suas atrocidades".

Ele explica que a GAVI (Global Alliance for Vaccines) não é uma empresa farmacêutica, mas uma campanha de vacinação infantil na qual colaboram várias organizações como a UNICEF, OMS, o Banco Mundial e que é apoiada por fundações como Bill Gates'.

"Bill Gates, o eugenista, esquece a existência da maldita biblioteca do jornal, e no passado ele falou repetidamente sobre mais, sobre seu projeto de vacinas com micro chips ou nano bots, para obter todo tipo de informação sobre a população mundial com o único propósito de controlá-la. A estes também poderiam ser acrescentados vários metais, ainda mais tóxicos do que já incluem, adjuvantes ilegais ou o chamado "pó inteligente", tudo isso ameaçaria nossa saúde sem nosso consentimento.

Ele acrescentou que as crianças não devem ser vacinadas, pois os pequenos não devem ser tocados, chamando isto de uma situação terrível que precisa ser resolvida.

Ele explicou que a mídia de hoje não informa, eles apenas dizem como pensar, o que pensar.

"O cidadão de sua casa está mais à vontade para engolir este alimento pré-digestado do que para pensar, investigar, contrastar". É o que eu peço às pessoas que façam: verifiquem".

Ele assegurou que os responsáveis pela pandemia, políticos, médicos, cientistas, empresas farmacêuticas e a mídia cúmplice, vão todos cair, um após o outro, ao ponto de haver um segundo julgamento de Nuremberg.

"O que me incomoda é todo o sistema: Republicanos, democratas, esquerda, direita, centro e a mãe que os aborreceu, todos fora. Eu quero um mundo novo, vamos tê-lo".