Muitos COVID-19 Vaccine Takers têm reações severas?


According to the Vaccine Adverse Event Reporting System (VAERS), more than 200,000 COVID-19 vaccine takers have suffered from severe side effects in the United States (update on Friday, May 21).

Sistema de Relatórios VAERS

VAERS é um sistema de relatórios que pertence ao Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), no qual a agência federal confia para a coleta de dados de tomadores de vacinas dentro dos EUA. Como o sistema está aberto à apresentação pública, os relatórios podem incluir aqueles sintomas que ocorrem após a vacinação, mas não estão necessariamente relacionados à própria vacina.

Os dados divulgados no site da VAERS mostram que os relatos de sintomas adversos que ocorreram após a vacinação excedem 227.805 casos, incluindo 4.201 mortes subseqüentes no total de 14 de dezembro de 2020 a 14 de maio.

Tais números, entretanto, não podem representar os efeitos reais das vacinas e servem apenas para determinar padrões para uma avaliação profissional.

Na semana passada, o sistema recebeu 943 avisos do público, aumentando 144 casos a partir da semana anterior. Eles rotularam 24 deles como "sérios". Todos estavam ligados aos de 12 a 14 anos de idade.

Os dados indicam 20% das mortes após a vacinação de COVID-19 foram ligadas a doenças cardíacas, com mais pacientes masculinos (50%) do que femininos (44%) que faleceram devido a tais circunstâncias.

Embora a idade média do falecido fosse de 74,7 anos, os óbitos incluem os de idade jovem. Houve duas mortes de crianças de 15 anos e uma de 16 anos de idade, juntamente com vários relatos de idades mais jovens, mas ainda não estava claro se a causa da morte estava diretamente ligada às vacinas.

Vacinas contra efeitos colaterais graves

Reports on VAERS also comprise the percentages of the four most common types of severe side effects that happen after the vaccine was taken, including Bell’s Palsy, Guillain-Barré Syndrome, anaphylaxis, and clotting disorders, and other linkable conditions.

Nisso, a Pfizer é responsável pelas maiores porcentagens entre os outros fornecedores de vacinas na maioria dos casos, incluindo a paralisia de Bell (51%), a síndrome de Guillian-Barre (40%), e distúrbios de coagulação juntamente com outros sintomas relevantes (1.468 casos).

Moderna, meanwhile, had most reports of anaphylaxis with 51%.

Os relatos dos graves efeitos colaterais da vacina de um tiro da Johnson & Johnson foram relativamente baixos em comparação com as outras duas vacinas; entretanto, os relatos sobre problemas de coagulação também foram significativos, com 1.093 casos, equivalentes aos do Moderna. As porcentagens mínimas nas vacinas da Johnson & Johnson podiam ser atribuídas à ordem de pausa federal no final de abril, depois que ela foi lançada pela primeira vez em 1º de março.


According to a report from The Defender on May 19, several researches had found out the vaccines may not be effective for people with underlying conditions, and they should not take the shots. The CDC ignored the information, saying “no data are available” proving people with compromised immune system should not take the doses.


A NBC News informou, em meados de março, que tais grupos com distúrbios pré-saúde não foram empregados nos ensaios clínicos para as vacinas COVID-19 Como resultado, não havia informações relevantes sobre o assunto no sistema CDC, porém eles encorajaram rigorosamente essas pessoas a tomar as vacinas.


Qual é a sua reação?

confused confused
3
confused
fail fail
3
fail
love love
0
love
lol lol
1
lol
omg omg
3
omg
win win
2
win